Eis me aqui ao teu lado
Tudo se completa
Todos os dias são iluminados
Todas as cores vibram
Seu canto me inspira

Embora felizes
A liberdade nos falta
Nos faz sentirmos solitários
Nos faz menores

Abruptamente essa liberdade
Tão almejada por nós
Se apresenta
E eu, hesito

Abriu suas asas e voou

Essa liberdade repentina
Tão esperada por nós dois
De repente me assustou
Me acovardei

Acompanhei-te com os olhos
Cantarolando vitoriosamente
Distanciando-se no céu sem fim
De repente, o sol me cegou
E você se foi

O que me restou?

Hoje sigo a vida
Cantando como outrora
Desde o nascer até o pôr do sol
Esperando que você escute
Esperando que você responda
Esperando que você me leve

Que minha música te encontre
Toque em seu coração
E te traga de volta

E essa liberdade?
Ainda me assusta
Sigo a vida


imagem: olhares

Um comentário: